Na semana passada, eu convoquei os leitores para realizar um teste: substituir totalmente, ou em parte, o granulado sanitário do gato por farinha de mandioca. Como você pode ler nos comentários do post que foi publicado, muita gente já usava a farinha e ela funciona! O produto segura bem o cheio e forma torrões quando usado.

Recebi um monte de e-mails indicando que vale realmente a pena usar a farinha de mandioca nas caixas sanitárias. Não vou listar nenhum aqui, pois seria injusto com os demais leitores que fizeram questão de compartilhar a sua experiência. Agradeço a colaboração de todos!

Na maioria dos casos, eu pude identificar que:

1 – Você pode usar somente a farinha ou misturar com um granulado sanitário.
2 – Quanto mais grosso o grão, menos poeira.
3 – Você pode descartar os torrões formados depois do uso da farinha diretamente no vaso sanitário.

MÁQUINA DE CORTAR PAPEL

gateiro-papel-2

No meio dos e-mails que recebi, um leitor indicou uma ideia que me chamou a atenção. Confira:

Aqui em casa não uso granulado. Uso jornal. Mas não picado ou rasgado. Comprei uma fragmentadora de papel anos atrás. Consigo jornal velho com vizinhos, parentes, amigos, no local de trabalho etc. Picoto tudo e deixo disponível para os gatos.

No final, a fragmentadora (custo inicial caro na época, devo reconhecer) já se pagou mais de dez vezes se eu considerar o que gastaria em granulado sanitário nos últimos anos.

E os gatos aceitaram muito bem! Fica a dica.

Sidinei Lander S.P.

Valeu, Sidinei!

Posts relacionados

Cadastre-se em nossa newsletter e receba novidades por e-mail